29 de abr de 2010

Incontinência urinária tem tratamento.

Matéria publicada em: 28/04/2010

Segundo a Sociedade Brasileira de Urologia (SBU), a Incontinência Urinária afeta 1 em cada 25 pessoas no Brasil. 

O problema, caracterizado pela perda involuntária de urina, prejudica a qualidade de vida e o convívio social, além de alterar significantemente a rotina diária dos portadores da doença. 

No entanto, dos milhões de brasileiros que sofrem diariamente com os sintomas da Incontinência Urinária, poucos procuram orientação médica, muitas vezes por vergonha.

O programa Saúde em Destaque na Web entrevistou o especialista em urologia pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Dr. José Carlos Truzzi. 

Ele destaca que o tratamento deve ser individualizado para cada tipo de incontinência, e conforme o diagnóstico apresentado por cada paciente. 

Opções como fisioterapia pélvica, terapia comportamental e medicamentos podem ser utilizadas como medidas iniciais.

Uma alternativa a essas medidas é a aplicação de Toxina Botulínica Tipo A, como opção eficaz e segura para o tratamento da Incontinência Urinária causada pela Bexiga Hiperativa. 

"Aprovada pela ANVISA há um ano, essa opção de tratamento tem ganhado importante aderência pelos urologistas, graças aos resultados muito favoráveis que tem apresentado", acrescenta Dr. Truzzi.

Nenhum comentário:

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Powered by Blogger